Breaking News

Dono de carro que atropelou skatistas na Augusta ainda não se apresentou à polícia



Ao menos cinco skatistas foram atropelados na Rua Augusta, na região central de São Paulo, na manhã deste domingo (25).

Segundo o Corpo de Bombeiros, um Ford Ecosport passou em alta velocidade pela rua e atropelou as pessoas na altura do número 500 durante um evento de skate por volta das 10h. As vítimas foram levadas a prontos-socorros da região e o motorista fugiu.
O skatista Gabriel Magalhães afirmou, em sua página no Facebook, que um dos feridos ficou com o punho machucado e outro com joelho quebrado. Segundo ele, o vidro de trás do carro também ficou quebrado.

De acordo com o presidente da associação skate day e organizador do evento, Dan Feitosa, três dos cinco feridos seguem hospitalizados.

No dia 21 de junho, foi comemorado em todo o mundo, "O Dia Mundial do Skate". Como a data caiu em dia útil, os skatistas brasileiros resolveram comemorar neste domingo. Os skatistas fizeram a concentração em frente ao Masp por volta de 9h. Às 10h30, eles começaram a "skateada" que passaria pela Avenida Paulista, Rua Augusta, Rua Martins Fontes, Rua Álvaro de Carvalho, Rua João Adolfo, com chegada no Vale do Anhangabaú prevista para as 11h40.

Os organizadores previam que o evento superasse os 15 mil participantes do ano passado e chegasse aos 20 mil.

Na página do evento Go Skate Day SP 2017 no Facebook, skatistas que estavam presentes relataram o atropelamento e começaram a promover um movimento para tentar localizar a placa do veículo que atropelou alguns deles.

Um dos participantes, Hugo Corrêa, diz que, nesta edição, houve mudança no itinerário, descendo a Augusta. "Outra coisa zuada também foi o itinerário desse ano, ao invés de pegarem e descerem a Consolação até a Roosevelt e depois sentido Anhangabaú, fizeram o itinerário descendo a Augusta toda esburacada, uma EcoSport que tava subindo a Augusta atropelou vários skatistas, chamaram até o Samu. ", disse ele.
Segundo delegado, policiais estão em frente à casa do proprietário do veículo; testemunhas serão ouvidas nesta segunda

SÃO PAULO - Ainda não se apresentou à polícia o proprietário do EcoSport preto que atropelou participantes do evento Go Skate Day neste domingo, 25, na Rua Augusta, na região central de São Paulo. Segundo a Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP), duas vítimas foram identificadas no boletim de ocorrência do incidente, sendo um jovem de 20 anos e um homem de 30 anos. A via estava interditada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para o acesso dos casos no momento da ocorrência.

Segundo o delegado titular do 4º Distrito Policial (Consolação), Roberto Peixoto, as testemunhas do atropelamento devem ser ouvidas a partir das 10 horas desta segunda-feira, 26. Além disso, policiais aguardam em frente à residência do proprietário do veículo, que ainda não se apresentou à polícia.

"Ele não é necessariamente o condutor do veículo, que está no nome dele, mas pode ter sido vendido ou emprestado", ressaltou o delegado.

O atropelamento aconteceu no fim da manhã de domingo, quando os skatistas desciam a Rua Augusta em direção ao Vale do Anhangabaú, onde o evento se encerraria. Segundo o boletim de ocorrência, o motorista fugiu do local após acelerar em direção aos skatistas.
Em um vídeo postado nas redes sociais, um fiscal da CET aparece acompanhando a descida no momento em que o veículo atinge diversos skatistas, dos quais um chega a ficar parado sobre o capô enquanto o veículo segue em movimento. O caso foi registrado no 78º Distrito Policial (DP Jardins), mas foi encaminhado ao 4º DP (Consolação), responsável pela área.
Uma das vítimas foi encaminhada para o Pronto Socorro da Lapa, na zona oeste, enquanto a outra foi atendida na Santa Casa de Misericórdia, no centro, com uma possível fratura na perna. No momento dos atropelamentos, uma terceira vítima foi atendida pelo Corpo de Bombeiros, também do gênero masculino.

Marcado em celebração ao Dia Mundial do Skate, comemorado em 21 de junho, o Go Skate Day tinha concentração marcada para as 10 horas na Avenida Paulista, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp). Na chegada ao Vale do Anhangabaú, estavam programadas apresentações musicais, com encerramento às 20 horas. No Facebook, 5,9 mil pessoas confirmaram presença no evento.