Breaking News

Vereador sugere comer cães de rua para diminuir número de animais



Vereador sugere comer cães de rua para diminuir número de animais

“Tínhamos que fazer igual no Japão: comer esses cachorros e acabar com isso”, declarou o vereador Wellinton Arantes (PSB) de Ituiutaba (MG)

A afirmação foi feita durante sessão na Câmara Municipal da cidade de Ituiutaba, onde era discutida soluções para o aumento da população de animais de rua na cidade.

O vereador “Batuta”, como é conhecido o parlamentar, fez a declaração em tom de deboche, afirmando que a alternativa para acabar com os animais de rua era comer a carne deles. “Tínhamos que fazer igual no Japão: comer esses cachorros e acabar com isso”. O parlamentar complementou a declaração perguntando: “Se nós não estamos fazendo cirurgias eletivas na Secretaria de Saúde, vamos fazer em cachorro?”.

O caso causou polêmica na cidade e revoltou protetores e ativistas da causa dos animais. A presidente da Sociedade Protetora dos Animais de Ituiutaba, Mariana Cunha Santana, considerou o posicionamento do vereador como sendo de “extremo desgosto”. Mariana afirmou que sentiu angústia ao constatar que um representante do povo, formador de opinião, com a responsabilidade de ser um cidadão modelo, exemplo para os munícipes, expresse um pensamento desumano, ferino e em total afronta à legislação vigente.
Houve a possibilidade de processo por quebra de decoro parlamentar, mas foi minimizada pelo presidente da Câmara, vereador Odemes Braz (PSDB) que encarou o fato apenas como uma “opinião” do colega.
O que diz a legislação brasileira sobre isso
A lei 9605/98 é clara sobre atos de abuso ou maus tratos a animais no Brasil, a pena para tal crime pode chegar a um ano. Em caso de morte do animal, como sugeriu o vereador, a pena pode ser aumentada em 1/6 a 1/3.

Nota da assessoria do vereador
Em nota, a assessoria do vereador informou que o vereador Batuta nunca foi contra a castração de animais e nem contra os animais. Ele explicou em seu comentário que se a Prefeitura não está realizando cirurgias eletivas, não trará um castra móvel. Ele quis dizer que a prioridade do momento é a saúde. Ele admite que foi muito infeliz em seu comentário, que realmente foi de mau gosto. Pede desculpas a todos. O vereador Batuta gosta e respeita todos os animais em geral. “Ele tem animais em sua residência e em sua chácara que são muito bem tratados”.
Nossa opinião
O vereador demostrou não ter nenhuma condições de exercer um cargo público como representante do povo. “Um comentário infeliz” diz a nota, mas dito com ar de deboche.
Ele deveria se informar melhor, pois o costume de comer cachorros não ocorre no Japão, e sim na China. Mesmo assim, graças a luta de ativistas algumas províncias daquela região já estão proibindo o consumo desse tipo de carne, como Taiwan por exemplo.
Em meio a tantas lutas pela proteção e bem-estar dos animais, é triste fatos como esse vindo de um representante eleito pela população. Temos certeza que os eleitores desse vereador não comungam dessa infeliz declaração.
Aki é o Bicho repudia tal atitude e espera que esse vereador jamais seja eleito novamente.
Fonte: Portal Terra






NOS AJUDE CURTINDO NOSSA PAGINA NO FACEBOOK PALMELO NEWS E COMPARTILHEM NOSSAS MATÉRIAS