Breaking News

Ponte entre goiás Aruanã e Mato Grosso Cocalinho foi inaugurada hoje


GOVERNO INAUGURA A MAIOR PONTE DO ESTADO  QUE LIGA MATO GROSSO EM GOIÁS

Em projeto conjunto com o estado de Goiás, o Governo do Estado do Mato Grosso inaugurou neste sábado (29), a maior ponte já construída no estado. Ela liga os municípios de Cocalinho (567 km de Cuiabá), que fica em Mato Grosso, à cidade de Aruanã (545 km de Cuiabá), que fica no estado vizinho de Goiás.

Após 18 anos de espera, o momento foi celebrado por ambos estados e seus governadores. A finalização após 12 anos de obras, foi possível através do compromisso firmado por Taques, que assumiu o encabeçamento da ponte que custou R$ 2 milhões, em um encontro com o governador de Goiás, Marconi Perillo.

A ponte de 577 metros foi concluída através de uma parceria Público Privada (PPP), foram investidos ao todo, mais de R$ 32 milhões. A ponte inaugurada vai ajudar a fomentar o agronegócio e o turismo local, principalmente com os festivais de praia da região, como pontua Marcelo Duarte, secretário de Estado de Infraestrutura. “Essa ponte vai marcar uma nova era para o Araguaia. É um projeto audacioso e bastante arrojado de engenharia, que tem esse detalhe do vão central bastante alto, prevendo uma futura navegação no Rio Araguaia”.

Perillo e Taques percorreram de barco o rio Araguaia que fica sob a ponte inaugurada. A ponte tem uma elevação de 50 metros da linha d'água, possibilitando a navegação comercial nesse trecho do rio durante todo o ano, além de 350 metros do lado mato-grossense e 800 metros de aterro do lado goiano, garantindo mais segurança para os usuários da ponte por eventuais danos causados por chuvas na região.

Taques ressaltou a importância da obra, e como ela facilitará a vida do cidadão mato-grossense no Vale do Araguaia. “Essa ponte significa o desenvolvimento e progresso dessa região. O Vale do Araguaia já foi conhecido como vale dos esquecidos, hoje é o vale da esperança, para mato-grossense e goianos. Quando assumi o governo do Estado, de Querência para cima havia 80 quilômetros de rodovias estaduais pavimentadas, hoje nós temos 160 quilômetros a mais de rodovias pavimentadas. Nós vamos tirar este vale do esquecimento! Nós fizemos em dois anos e de gestão 1800 quilômetros de estradas. Nós precisamos mostrar ao Brasil que o Brasil precisa do Centro-Oeste e isso só é possível com lideranças como você Perillo”, pontuou Taques, a nova obra economiza cerca de 200 km para os moradores da região, que agora não precisaram descer até Barra do Garças para chegar a Goiás e a Brasília.

Com informações de Letícia Ferraz, Robson Gomes para o Repórter Goiás.

NOS AJUDE CURTINDO NOSSA PAGINA NO FACEBOOK PALMELO NEWS E COMPARTILHEM NOSSAS MATÉRIAS