Breaking News

Cadela que foi resgatada pela polícia vítima de estupro está à espera de um novo lar


Delegada pede ajuda para encontrar um novo dono para a cachorrinha

Um cadelinha que foi resgatada nesta quinta-feira (28) pela Polícia Civil de Rio Verde está à espera de um novo lar, mas dessa vez com donos que ofereçam cuidados e carinho. De acordo com os policiais, a cachorrinha estava sendo vítima de abuso sexual e maus tratos. Outro animal foi encontrado na casa do suspeito também foi resgatado e levado para local seguro.
Um homem acusado de ter cometido atos sexuais com a cadela foi levado à delegacia para esclarecimentos e liberado após assinatura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).
A delegada regional, Taísa Antonello, explica que a notícia sobre a violência contra a cadelinha chegou até a Polícia Civil e se espalhou rapidamente por redes sociais. Na postagem, uma testemunha alega ter ouvido o animal chorar todas as noites, provavelmente quando ocorriam os abusos.
O local onde os dois animais estavam, uma casa desabitada no Bairro Dom Miguel, foi deixado pelos donos e passou a ser utilizada como abrigo para usuários de drogas. Os animais, que também haviam sidos abandonados pelos proprietários do imóvel, agora estão acolhidos em um local provisório.
“Não temos como cuidar deles por muito tempo. O local onde estão não tem quintal e não é muito apropriado. Por isso, pedimos a ajuda das pessoas que possam adotá-los”, concluiu a delegada.