Breaking News

Homem com rosto tatuado é preso após se masturbar para mulher e criança de 7 anos em SP


Felipe Magarian Messias, 34 anos, foi flagrado praticando ato obsceno em local público e ato libidinoso diante de menor de 14 anos.


Felipe Magarian Messias, 34 anos, foi preso e autuado por praticar ato obsceno em local público e por praticar ato libidinoso diante de menor de 14 anos (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Felipe Magarian Messias, 34 anos, que tem o rosto totalmente tatuado, foi preso em flagrante, nesta quarta-feira (6), após se masturbar para uma mulher e uma criança de 7 anos, perto da Ponte das Bandeiras, na Zona Norte de São Paulo.
Segundo informações da Polícia Civil, agentes do Garra conseguiram chegar ao local e prender Messias quando ele tentava fugir entrando em um ônibus, perto da Praça Campo de Bagatelli.
Ele foi autuado pelo artigo 233 do Código Penal Brasileiro, que trata da prática de ato obsceno em local público, e prevê pena de 3 meses a um ano de detenção, ou multa. Messias também foi autuado pelo artigo 218-A, que trata da prática de ato libidinoso diante de menor de 14 anos e prevê pena de 2 a 4 anos de reclusão.