Breaking News

Casal é preso acusado de manter 13 filhos em cativeiro nos EUA

Uma das vítimas, uma garota de 17 anos, conseguiu escapar do cativeiro e ligou para a polícia.

Na manhã deste domingo (14), a polícia do condado de Riverside, na Califórnia, encontrou 13 pessoas em situação de cativeiro em uma casa na cidade de Perris, muitas delas algemadas e presas a camas com correntes e cadeados.
A idade das vítimas vai de 2 a 29 anos, e seis são menores. De acordo com a polícia, elas eram mantidas em cárcere privado pelos pais, David Allen Turpin, de 57 anos, e Louise Anna Turpin, 49 anos, que foram presos sob a acusação de tortura e abuso infantil.
Uma das vítimas, uma garota de 17 anos, conseguiu escapar do cativeiro e ligou para a polícia por meio de um telefone celular encontrado na casa. O local era escuro e cheirava mal, e os filhos do casal foram encontrados de pijamas, em estado de desnutrição e de pouca higiene, relatou o departamento policial em comunicado.
Segundo apurou o Washington Post, o pai das vítimas, David Turpin, é registrado junto ao Departamento de Educação como diretor da escola Sandcastle Day School, uma escola privada sediada na casa onde morava com a esposa — e mantinha os 13 filhos presos.
As vítimas foram encaminhadas a centros de saúde onde estão recebendo cuidados médicos e psicológicos.