Breaking News

Vendedora é morta a tiros em frente a empresa onde trabalhava em Trindade

Polícia diz que ex-namorado é o principal suspeito de cometer o crime.


Uma jovem de 22 anos, identificada como Yone Glória da Cunha Novais, foi morta a tiros na manhã desta terça-feira, 13, em frente à loja de calçados em que trabalhava como vendedora na Avenida Manoel Monteiro, no Centro de Trindade.
Segundo a Polícia Civil, um ex-namorado da vítima é o principal suspeito de ter cometido o crime. Ele foi encontrado morto com várias marcas de tiros, horas depois, em Abadia de Goiás. Um comparsa dele foi detido.
Até o momento, o delegado responsável pelo caso Vicente Gavina, informou que ao que tudo indica a mulher foi vítima de um crime passional, uma vez que testemunhas contaram que o ex-namorado dela chegou e eles conversaram um pouco, antes que o homem se exaltasse, sacasse uma arma e efetuasse dois disparos que atingiram a jovem.
O comparsa detido será interrogado para apuração dos fatos.