Breaking News

Secretaria de Segurança Pública de Goiás cria site para ajudar a localizar pessoas desaparecidas

Portal disponibiliza nomes e fotos das pessoas sumidas; ideia é ampliar serviço para smartphones e locais de grande aglomeração. Perfis de foragidos da polícia também consta no site.



A Secretária de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO) criou um site para tentar ajudar na localização de pessoas desaparecidas.    SITE AQUI 

O portal possui uma lista com o nome e a foto da pessoa que está sumida no estado e é uma esperança para famílias que estão sem notícias de seus entes queridos. Até a manhã desta segunda-feira (16), a lista continha 45 integrantes. 

 Mesmo com essa opção, os casos de desaparecimento devem primeiro ser registrados na Polícia Civil, que vai confirmar as informações para só depois disponibilizar os dados na página. Para aumentar o alcance a essas informações, a SSP-GO estuda tornar o banco de dados acessível a smartphones, além de divulgá-lo em locais de grande aglomeração, como por exemplo, em totens localizados dentro dos terminais de ônibus. A doméstica Ana Maria Azevedo espera que a ferramenta ajude a encontrar o filho dela. Luís Felipe Barbosa, de 15 anos, sumido há 10 dias. Ele disse que iria para casa do pai, como de costume, em Aparecida de Goiânia, mas nunca mais foi visto. "Eu não sei o que fazer mais, já procurei em vários lugares, delegacia, hospital. Quem sabe se alguém não ver [no site] e acha outras pessoas que estão desaparecidas, que a mãe está desesperada também que não é fácil", desabafa. Foragidos Além de pessoas desaparecidas, o portal integrado também possui uma lista de foragidos da polícia. Os perfis contem nome, foto, crime cometido e se eles já foram indiciados. Um dos procurados que constam no site é Leomar Oliveira Barbosa, de 55 anos, considerado ex-braço-direito do traficante Fernandinho Beira-Mar, e solto irregularmente do Presídio Estadual de Formosa, no Entorno do Distrito Federal. O tenente-coronel Francisco Jubé, superintendente de ações integradas da SSP-GO, informou que a identidade dos denunciantes será preservada. “As pessoas podem compartilhar, fazer suas denúncias e a polícia prestar um serviço mais eficiente”, pontua.


INSTALAR CRYPTOTAB AQUI

COLOCAR EXTENSÃO PARA GOOGLE CHROME